Você está aqui:PolíticaVereadores são presos em Carapicuíba durante sessão

Vereadores são presos em Carapicuíba durante sessão

Publicado em Política

Durante a sessão da Câmara de Carapicíba, da última terça-feira, quatro vereadores foram presos. Segundo o Ministério Público, todos fariam parte de um esquema que fraudava as contratações em várias áreas da administração municipal para favorecerem apadrimnhados políticos. Foram presos os vereadores Jeferson Macedo, Elias Cassundé, Nenê Crepaldi e Carlos Japonês. Também foi presa a ex-secretária de Administração, Elaine Cristina Pereira. Além dos detidos, estão com mandado de prisão decretado o candidato a prefeito pelo PT, Everaldo Francisco da Silva e o ex-deputado estadual Isaac Franco dos Reis também do PT, por não terem sido encontrados estão sendo considerados como foragidos pela justiça. Desde o mês de maio, o vereador Paulo Xavier encontra-se preso pelo crime de nepotismo.

 

Demissões

Alguns dias atrás, a Justiça determinou que a Prefeitura suspendesse o contrato de 210 funcionários da área de saúde (enfermeiros, técnicos de enfermagem e agentes comunitários) por conta de suspeita de fraude em suas contratações. A administração municipal também foi proibida de admitir novos servidores. Segundo o Ministério Público (MP), as contratações foram feitas de forma irregular porque, em vez de convocar aqueles aprovados em concurso público, utilizou-se de contratos emergenciais. Em nota, a Prefeitura disse que vai se defender na Justiça e que adota todas as medidas possíveis para minimizar o prejuízo no atendimento à população causado pelo diminuto número de servidores da saúde.

 

PPS suspende

O PPS de São Paulo, em nota assinada pelo presidente, deputado Davi Zaia, se diz surpreendido com as prisões dos vereadores carapicuibanos que se filiaram ao partido recentemente. E por determinação da Executiva, os três vereadores tiveram suas filiações suspensas até que se apurem as responsabilidades. A nota diz ainda, que o partido não compactua com ilegalidades, defendendo a investigação rigorosa dos fatos e punição exemplar de todos os envolvidos.

 

PT reafirma

Com relação ao fatos noticiados pela imprensa envolvendo filiados do PT e de outros partidos na cidade de Carapicuíba, o Diretório Estadual do Partido dos Trabalhadores de São Paulo reafirma seu compromisso histórico com o combate à corrupção e a quaisquer outros desvios praticados por agentes públicos ou privados. As investigações, que devem ser feitas observando o princípio da ampla defesa e do contraditório, não devem se basear na filiação partidária, mas tão somente a conduta do agente investigado, seja ele de qualquer partido.

 

Fora da eleição

Com as prisões, os vereadores dificilmente disputarão a reeleição. Assim como o vereador Elias Cassundé, que aparece como vice na chapa do tucano Abraão Junior, também deverá ficar sem a vaga. Circula nos meios politicos, que o candidato Abraão Junior teria sido aconselhado até a desisitir da candidatura em virtude da prisão do seu candidato a vice. Porém, o presidente da comissão interventora do PSDB na cidade, Sinésio Luiz Antonio, afirma que a prioridade do partido é a manutenção de candidatura própria.

Lido 639 vezes
Avalie este item
(0 votos)

Deixe um comentário

Certifique-se de preencher os campos indicados com (*). Não é permitido código HTML.

Quem Somos

Empresa jornalística da região oeste da grande São Paulo que produz informação com transparência, credibilidade, qualidade e agilidade, buscando sempre o aprimoramento da democracia.

Circulação

Barueri, Cotia, Osasco,
Carapicuiba, Itapevi, Jandira,
Santana de Parnaíba e Pirapora do Bom Jesus.

Onde Estamos

Sede própria:
Av. São Paulo das
Missões nº 81
Barueri/SP
CEP 06411-300
Fone (11)4198-4014

Newsletter

Cadastre-se

Lembrar-me