Imprimir esta página

Febre amarela: osasquenses reclamam de agendamento

Publicado em Cidades

Os moradores de Osasco, segundo reportagem do G1, enfrentam dificuldades para agendar por telefone uma data para tomar a vacinação contra a febre amarela. O agendamento por telefone foi implantado para reduzir as filas nas unidades de saúde.

 

A Prefeitura montou uma central de atendimento, mas o telefone só dá sinal de ocupado.

 

Vários moradores disseram que estão com dificuldade para agendar pelo 156 e algumas pessoas ligaram para a Prefeitura de Osasco para perguntar se havia outro número para o agendamento e foram informados que não. A produção do Bom Dia SP tentou falar por diversas vezes para agendar a vacinação, mas ninguém atendeu.

 

Segundo a Secretaria da Saúde da cidade não existe nenhum problema no serviço de agendamento por telefone, que funciona 24 horas. De acordo com a pasta, o que pode ocorrer, às vezes, é um acúmulo de ligações.

 

Osasco não é classificado como município de risco pelo governo do estado de São Paulo.

 

Agendamento

A população do município deve ligar para o 156, fazer um cadastro e guardar uma senha que será apresentado no dia da vacina.

 

Após agendar a vacinação, o morador de Osasco deve apresentar no horário e local agendados RG, carteira de vacinação (no caso de criança) e a senha informada pela prefeitura.

Lido 3990 vezes
Avalie este item
(0 votos)